14.6.09

Empedernido

adjectivo

1. Convertido em pedra.
2. Que endureceu.
3. Fig. Insensível, contumaz.

Variegado

adjectivo

1. que apresenta cores variadas; matizado
2. diferente; diverso; vário
(Do lat. variegátu-, «id.», part. pass. de variegáre, «variar; variegar»)

10.5.09

indómito

indómito

adj.
Indomado.
Não vencido.
Fig. Arrogante.

8.5.09

engrinaldar

engrinaldar

v. tr.
Enfeitar com grinaldas.
Fig. Enfeitar, alindar.
Premiar, galardoar.

7.5.09

mefítico

mefítico

adj.
Que exala miasmas; pestilencial; infecto; podre.

6.5.09

saguão

saguão (à)

s. m.
Pátio estreito e descoberto, no interior do edifício, ou que separa duas traseiras de prédios.

4.5.09

iriado

iriado

adj.
Que representa as cores do íris.

3.5.09

fremir

fremir

v. tr.
Estremecer; vibrar; tremer.
Fig. Perturbar-se; alvoroçar-se de alegria, cólera, pavor.
Por ext. Murmurar.
Bramir.

1.5.09

pejar

pejar

v. tr.
Encher, carregar.
Obstruir; embaraçar.

v. intr.
Emprenhar, conceber.
Cessar de moer (o engenho de açúcar); fazer parar (o moinho).

v. pron.
Embaraçar-se; envergonhar-se.

30.4.09

lograr

lograr

v. tr.
Fruir, gozar, desfrutar.
Conseguir.
Enganar, intrujar.
Meter uma peta (a alguém).

29.4.09

acastelar

acastelar

v. tr.
Fortalecer com castelo.
Construir à maneira de castelo.
Fortificar; amontoar.

28.4.09

Heráldico

heráldico

adj.
Do brasão ou da heráldica.

27.4.09

Vergastado

vergastar

v. tr.
Bater com vergasta em.
Por ext. Açoitar; fustigar.

26.4.09

Catadupa

catadupa

s. f.
Queda estrondosa de água corrente.
Catarata.

25.4.09

enclavinhar

enclavinhar

v. tr.
Travar, meter uns pelos outros (os dedos).

18.3.09

odalisca

do Turc. odalik < oda, quarto + lik, criada


s. f.,
escrava que, no harém, está ao serviço das mulheres do sultão;
por ext. mulher moura;
mulher bonita;

fig.,
cortesã;
espécie de divã destinado ao centro das salas;
designação das cigarrilhas com capa de tabaco.

17.3.09

nastro

s. m.,
fita estreita de algodão, linho, etc. ;
trena.

16.3.09

prestidigitação

s. f.,
arte de prestidigitador;
agilidade e destreza de mãos que faz desaparecer ou deslocar os objectos;
ilusionismo.

15.3.09

lancinante

adj. 2 gén.,
que lancina;

fig.,
muito doloroso;
pungente;
cruciante;
aflitivo.

14.3.09

filigrana

do It. filigrana, fio de grãos


s. f.,
obra feita de fios de oiro ou prata delicadamente entrelaçados.

13.3.09

borborigmo

s. m.,
ruído produzido no ventre pela deslocação dos gases intestinais.

12.3.09

faceto

adj.,
que diz facécias;
chistoso;
gracioso;
brincalhão.

11.3.09

almanaque

s. m.,
calendário que contém os dias do ano, festas, feriados, luas, etc. ;
livrinho ou livro que, além da folhinha, contém indicações úteis, trechos de literatura, poesias, anedotas, etc. .

10.3.09

persignar

v. int.,
fazer um sinal da cruz na testa, nos lábios, e no peito. Comum nos rituais católicos.

9.3.09

organdi

s. m.,
espécie de cassa muito leve, retesada com um preparo especial;
organsina.

8.3.09

minuete

s. m.,
antiga dança francesa, elegante e simples;
música que acompanhava essa dança;
trecho musical, em compasso ternário e andamento vagaroso (que constituía quase sempre o terceiro dos quatro movimentos de uma sonata ou sinfonia).

7.3.09

farripa

s. f.,
cabelo muito ralo e mais ou menos comprido;
grenha;
por ext. fiapo de estopa ou linho, etc. .

6.3.09

bonemia

s. f.,
qualidade do homem bom, simples, crédulo.



(espécie extinta)

5.3.09

deletério

do Gr. deletérios, destruidor

adj.,
que destrói;
nocivo à saúde;
prejudicial;
venenoso;

fig.,
desmoralizador.



(sinto que é daqui que vem a tecla delete)

4.3.09

sáfaro

do Ár. sahra', deserto


adj.,
inculto;
estéril;
bravio;
rude;

fig.,
esquivo;
indomável;
mal morigerado.

3.3.09

paramentar

v. tr.,
vestir, ornar com paramentos;
adornar;
enfeitar;
ornar.

2.3.09

ciranda

s. f.,
peneira grossa, com que se joeiram grãos, areia, etc. ;
dança e descante popular.

1.3.09

desvelo

s. m.,
cuidado;
vigilância;
zelo;
dedicação;
carinho;
o objecto desse cuidado, zelo e dedicação.

28.2.09

arrabalde

s. m.,
cercanias, subúrbios, arredores, vizinhança, parte extrema de uma povoação.

26.2.09

algeroz

s. m.,
cano, caleira que dá escoamento às águas do telhado;
parte saliente do telhado para desviar as águas da parede;
cano que conduz a água da nora ao tanque.



sempre tive uma visão mais poética desta palavra sem que nunca tenha procurado o seu significado concreto, desiludiu-me um pouco.

25.2.09

mocassim

trata-se de um tipo de calçado criado pelos índios norte-americanos. Eram feitos com casca de árvore e eram sem saltos, a sola do sapato subia pelos lados e pela ponta dos pés e juntava-se com uma peça em couro em forma de "U".



(esta foi particularmente útil, não foi?)

24.2.09

estearina

do Gr. stéar, gordura


s. f.,
princípio imediato dos corpos gordos, e de que se fazem velas.

23.2.09

escafandro

s. m.,
vestimenta hermeticamente fechada e provida de um aparelho respiratório, que permite trabalhar debaixo de água.



só porque torci a língua três ou quatro vezes com esta palavra, aqui fica ela.

22.2.09

ademanes

masc. plu. de ademane

s. m. pl.,
gestos, trejeitos afectados.

21.2.09

alfange

s. m.,
sabre de folha curta, larga e curva.

20.2.09

samovar

s. m.,
espécie de chaleira metálica empregada, na Rússia, para preparar o chá.

Iriar

v. tr.,
matizar com as cores de arco-íris;
abrilhantar;
irisar.

Bonito demais para estar perdido nas páginas dos dicionários.

19.2.09

coquete

adj. e s. 2 gén.,
pessoa garrida;
galante;
mulher pretensiosa, namoradeira.

18.2.09

opulência

s. f.,
qualidade de opulento;
abundância de riquezas;
luxo, fausto;
magnificência;

fig.,
grandeza, elevação, esplendor;
corpulência, grande desenvolvimento de forma

17.2.09

megera

s. f.,
mulher de mau génio, cruel;
mãe desnaturada.

16.2.09

panamá

s. m.,
chapéu americano de copa e abas flexíveis, feito com tiras das folhas de uma palmeira da América central;
erva tintória do Amazonas;

fig.,
administração de uma companhia ou empresa, cujos administradores procuram locupletar-se à custa dos accionistas.



e eu que julgava que panamá era só uma terrinha qualquer para os lados do Brasil.

sobrevir

v. int.,
vir em seguida, vir depois de;
acontecer, ocorrer depois;
chegar ou suceder subitamente inesperadamente.

15.2.09

pagela

s. f.,
pequena parte;
parcela;
prestação;
pequenina página;
santinho (impresso).

14.2.09

preterir

v. tr.,
deixar atrás;
pôr de parte;
desprezar;
prescindir de;
abstrair de;
passar em silêncio;
omitir.



é incrível a quantidade de vezes com que me cruzo com esta palavra e me esqueço do significado, a ver se desta vez cola.

13.2.09

álea

s. f.,
fileira, renque de árvores;
alameda, rua de jardim ou parque;
aleia.

12.2.09

plantígrado

adj.,
que anda sobre a planta do pé;

s. m.,
Zool.,
(no pl. ) grupo de mamíferos carnívoros que andam sobre as plantas dos pés.

11.2.09

benemérito

adj.,
digno de louvor, de recompensa;
benemerente;
ilustre;
notável;
distinto;

s. m.,
homem benemérito.


eu fico sempre com a sensação que Benemérito é o vizinho um pouco calado mas com um bigode simpático que existe em cada rua. Só que a bem da verdade nem tenho a certeza de Benemérito é nome.

10.2.09

furgoneta.

s. f.,
pequena camioneta, de carroçaria fechada e com porta traseira, destinada ao transporte de pequenos volumes.


eu juro que durante o código não falei disto.

9.2.09

sucursal

s. f.,
casa ou estabelecimento dependente de outro;

adj. 2 gén.,
designativo do estabelecimento dependente de outro;
filial.

3.2.09

Neofito

neófito

do Lat. neophytu <> neóphytos, plantado de novo


s. m.,
o que se prepara para receber ou acaba de receber o baptismo;
indivíduo recém-convertido a uma religião;
por ext. noviço;
principiante;
indivíduo recentemente admitido numa corporação.

Palavra dita pelo meu avô usando o messenger. Não é só ele que aprende.

5.12.08

cutícula

cutícula

s. f.,
película;
a flor da pele;

Bot.,
epiderme das plantas novas.

16.11.08

tergiversar

tergiversar

v. int.,
voltar as costas;

fig.,
usar de subterfúgios, de rodeios;
buscar evasivas;
inventar desculpas.

7.11.08

Amplexo

um pouco de história...

am (do grego, amphi - 'em torno de') + plecto (do latim, 'dobrar, enlaçar') = amplector (verbo do latim, 'abraçar, compreender')


Amplexo

s. m.,
abraço apertado;
acto de abraçar.


um grande amplexo para todos os colaboradores do blog
obrigado pelo convite Luís

5.11.08

Alacar

Costumo usar muito esta palavra no seguinte contexto:
Depois de uma boa refeição, em que estou deveras "cheio", digo: "Ai qu'eu alaco"

Significado:

v. int.,
pop.,
vergar;
ceder ao peso ou carga;
alagar.

3.11.08

displicência

displicência

s. f.,
descontentamento;
desagrado;
desgosto;
aborrecimento.

27.1.08

Carrapito

eu gosto muito de carrapitos, sim sr! :)
carrapito

s. m.,
porção de cabelo atado sobre a cabeça;
caracol de cabelo;
cocuruto;
carrapicho;
Ornit.,
pássaro tenuirrostro;
ant.,
chifre.

17.1.08

Lato

Porque às vezes as palavras que julgamos conhecer nos surpreendem.

Lato, adj., largo; dilatado; extenso; amplo.
por látego, s. m.,
baraço curto de pita.
do Fr. latte, ripa
s. m., pau que se põe nas latadas;vara.

12.1.08

Arcádia

arcádia



do Lat. Arcadia <>Arcadía, top.

s. f.,
região da Antiga Grécia, habitada por pastores com grande sensibilidade poética (grafado com inicial maiúscula);
nome dado a diversas academias de poetas no séc. XVIII (por ex. , Arcádia Lusitana).


http://arcadia21.blogspot.com/

Espero que não levem a mal a minha "publicidadezinha", mas estão todos convidados a juntar-se ao projecto.

5.1.08

Ubíquo

Ubíquo, do Lat. ubiquu; adj., que está ao mesmo tempo em toda a parte.

31.12.07

entrevista

Antes de tudo um dois mil e outro feérico para todos.
Agora quero deixar aqui esta entrevista, mais um obrigado a todos os colaboradores e visitantes desta página, que a tornaram um local especial, digna de referência.

entrevista,

s. f.,
acto ou efeito de entrevistar;
encontro combinado;
conferência entre duas pessoas em local e hora antecipadamente combinados;
declarações feitas por alguém e que um jornalista publica, posteriormente na imprensa;
peça de vestuário vistosa que se usa por debaixo de um tecido transparente.

Aqui tenho de acrescentar à definição do dicionário, que as entrevistas também se podem fazer por telemóvel, e internet, e todas essas novas tecnologias que nos permitem comunicar. viva as tecnologias. e dois mil e oito.

27.12.07

Gandaia

A minha avó costumava dizer-me que eu andava sempre na gandaiage! Afinal parece que até existe mas acho que não era bem o que ela queria dizer.


gandaia



do Cast. gandaya < gandir, comer

s. f., pop.,
acto de procurar, no lixo, objectos de algum valor;
ofício de trapeiro;
ociosidade, vadiagem;
mandriice;
mulher vadia, galdéria.

10.12.07

Túrbido

túrbido



do Lat. turbidu

adj.,
que perturba;
perturbado;
turvo.

6.12.07

Túmido

túmido



do Lat. tumidu

adj.,
retesado pelo enchimento;
inchado;
avolumado;
dilatado;
fig.,
soberbo;
arrogante.

5.12.07

Cartucho vs Cartuxo

Acho que em termos de tamanho, cartucho ganha claramente.



cartuxo



s. m.,
frade da ordem da Cartuxa;
adj.,
pertencente à Cartuxa.

cartucho



do It. cartoccio

s. m.,
invólucro de carga para arma de fogo;
saca de papel para transportar diversos tipos de mercadoria;
embrulho;
adj.,
diz-se de certa qualidade de papel ordinário;
s. m.,
tipo de invólucro que contém tinta para canetas ou para impressoras, também pode conter fita.

queimar o último -: fazer as últimas tentativas para conseguir um fim;
Inform.,
- de memória: peça que armazena dados em computadores portáteis.

Sumaúma

sumaúma, s. f., Bot., árvore americana da família das bombacáceas; algodão dessa árvore.

4.12.07

Fona

fona



do Gót. fon, fogo

s. f.,
centelha que se apaga no ar;
faúlha;
azáfama, lufa-lufa;
s. 2 gén., fam.,
pessoa sovina;
unhas-de-fome;
s. m.,
indivíduo fraco, efeminado, mulherengo.

andar numa -: não descansar um momento.

2.11.07

Sarro

Sarro,

do Cast. sarro < Lat. saburra, lastro

s. m.,
fezes que o vinho e outros líquidos deixam aderentes ao fundo das vasilhas;
saburra;
resíduo de nicotina no fundo dos cachimbos;
crosta formada sobre os dentes;
resíduo fuliginoso que a pólvora queimada deixa nas armas.

1.11.07

Finisterra

finisterra,

s. f.,
cabo que termina uma região ou a parte conhecida da mesma.

31.10.07

Cardo

cardo,
s. m., Bot.,
planta espinhosa;
carda;
designação de certos lavores em relevo de oiro ou prata;
Brasil,
fruto de certas palmeiras.

30.10.07

Bruma

Não tão incomum quanto isso, mas aqui fica:

bruma,
s. f.,
nevoeiro;
atmosfera escura e chuvosa;
fig.,
sombra;
obscuridade;
mistério, incerteza.

29.10.07

Gazua

gazua,

s. f.,
chave falsa;
ferro curvo para abrir fechaduras.

28.10.07

Cílio

cílio,

s. m.,
órgão tubular de pequenas dimensões que se projecta numa célula e, quando existente, sempre em grande número;
cada um dos pêlos que guarnece a orla das pálpebras;
celha;
pestana;
cada um dos pêlos rígidos que guarnecem certos órgãos vegetais.

27.10.07

Lodaçal

lodaçal,
s. m.,
lugar em que há muito lodo;
atoleiro;
fig.,
vida desregrada;
lugar aviltante.

26.10.07

Torso

torso,
do It. torso
s. m.,
busto de pessoa ou de estátua.
do Lat. torsu, torcido
adj.,
torcido;
ant.,
coluna torcida em espiral.

25.10.07

Coalho

coalho,
s. m.,
coágulo;
coalheira;
Bot.,
flor de uma espécie de cardo;
efeito de coalhar;
fig.,
dinheiro que se economizou.

24.10.07

Frondosa

frondosa,

adj.,
que tem muitas folhas;
frondente;
copado;
abundante em ramos.

Algoz

algoz,

s. m.,
carrasco;
verdugo;

fig.,
pessoa cruel

23.10.07

Tumba

tumba,
s. f.,
lápide sepulcral;
campa;
sepultura;
esquife;
acto de fazer as três quinas de um cartão, no jogo do loto;
s. m.,
indivíduo infeliz ou desgraçado, sobretudo ao jogo;
almofada abaulada sobre a qual os encadernadores põem as capas dos livros, para os dourar ou ornamentar.
de orig. onomat.

interj.,
designativa do som produzido por queda ou pancada.

22.10.07

Esmarrir

esmarrir,

v. int.,
perder a seiva, o vigor;
secar, ressequir;
prov.,
desanimar.

20.6.07

Grés

Gosto da palavra sim senhor


grés



do Fr. grès

s. m.,
rocha formada por grãos de quartzo;
espécie de argila misturada com areia fina e empregada em olaria;
pó daquela pedra, empregado em polir metais;
arenito.

15.6.07

Mafarrico

Porque há pessoas que utilizam a palavra sem lhe saberem o significado.
mafarrico

s. f., prov.,
o Demónio;
jogo de cartas;
fig.,
criança traquina;
deprec.,
habitante de Mafra.

13.6.07

Pego

Perto da casa da minha avó havia um lago muito fundo ao qual nós chamávamos pego. A definição do dicionário é ligeiramente diferente...
Pego, s. m., o ponto mais fundo de um rio, lago, etc. , onde não se tem pé; abismo; voragem; pélago; sorvedouro.

5.6.07

Remorder

Mais uma de origem ancestral(da minha avó!)

remorder


v. tr.,
morder mais que uma vez;
fig.,
atormentar;
censurar;
afligir;
cismar;
resmungar;
v. refl.,
ralar-se;
enraivecer-se;
ter remorsos.

28.5.07

Lente

Desconhecia e ansiava pelo significado do s.m.!
Lente



do Lat. legente

s. m.,
professor de uma escola superior;
adj. 2 gén.,
que lê.

do Lat. lente

s. f.,
peça de material transparente (geralmente vidro) para convergir ou divergir feixes de luz por refracção.

- de contacto: pequena lente, para correcção de anomalias, de material rígido ou flexível e que se coloca rente ao olho, aderindo à córnea.

23.5.07

Lambisgóia

Nunca pensei que existisse esta palavra!

Lambisgóia


de lamber

s. f.,
mulher delambida, mexeriqueira, intrometida.

15.5.07

Motejo

Eu pessoalmente acho que esta e a rainha de todas as palavras engraçadas já que os seu sinónimos são também palavras engraçadas!

motejo



do It. mottegio

s. m.,
zombaria;
mofa;
escárnio;
gracejo;
dito picante.

Hemeroteca

Todos sabemos o que é, muitos de nós já a usaram e, no entanto, poucos conhecem o seu nome.

Hemeroteca, s.f., secção da biblioteca onde se arquivam jornais e publicações periódicas.

11.5.07

Frondoso

Temos então que:

frondoso,
adj., que tem muitas folhas;
frondente;
copado;
abundante em ramos.

10.5.07

Arcediago

Cá está um caso em que o significado pouco ajuda a compreensão da palavra.


arcediago



do Lat. archi, superior + diaconu <>archidiákonos

s. m.,
dignitário capitular investido pelo bispo de certos poderes junto dos párocos da diocese;
dignitário das sés que administra os ofícios da igreja juntamente com o chantre e o arcipreste.

26.4.07

Laparoto

Não o tomei por grande elogio quando me chamaram, mas ainda em que vim ver o seu significado.

laparoto



s. m., prov.,
láparo desenvolvido;
rapaz boçal;
adj.,
astucioso.

17.4.07

Arulho

Quem diria que arulho significava isto:


arrulho

s. m., canto das pombas e rolas;
fig., toada para embalar;
voz terna e meiga;
diálogo enamorado.

11.4.07

Conduto

A minha avó usa muitas vezes o 5! Mas não só para acompanhar o pão como o arroz e batatas.




substantivo masculino


1.
cano ou tubo de condução;

2.
conduta;

3.
via;

4.
meio;

5.
popular qualquer alimento que se come com o pão; presigo;

6.
pequena verba dada aos criados de lavoura para comprarem esse alimento;

7.4.07

Almiscareiro

É triste o que ainda se faz a alguns destes animais apenas para se produzirem perfumes...

Almiscareiro,
s. m., Zool., animal asiático, parecido com o cabrito, do género dos ruminantes e que tem sob o ventre uma bolsa de onde se extrai o almíscar.

1.4.07

Sarça

sarça, sarça, sarça... não sei porque mas faz-me lembrar pulgas. :x

Sarça,

planta espinhosa
s. f., silva, silvado, matagal.

31.3.07

Plúmeo

secalhar até é óbvio, mas:

Plúmeo,

adj., relativo a plumas;
emplumado;
plumoso.

30.3.07

Telúrio

Telúrio,
do Lat. tellure, terra
adj., relativo à Terra ou ao telúrio.

29.3.07

Calabouço

Porque eu achava que os jornalistas estavam a ser profundamente dramaticos quando anunciavam a detenção preventiva de alguem na Policia Judiciaria. Agora já fico mais aliviado.

calabouço



do Esp. calabozo

s. m.,
prisão subterrânea;
cárcere;
masmorra;
enxovia;
lugar de prisão preventiva;
lugar sombrio.

27.3.07

Preia-Mar e Preia

Na minha inocência sempre pensei que se dizia praia-mar, as noticias ensinaram-me que não, mas também o significado de preia não é o mesmo sozinho...

preia-mar



do Lat. plena + mare

s. f.,
maré cheia.

preia



do Lat. praeda

s. f.,
presa.

26.3.07

Soslaio

Não é tão rara quanto isso esta palavra, mas gosto da sonoridade. Gosto de dizer "olhar de soslaio".

Soslaio,

s. m., obliquidade.
loc. adv., de -: de lado, de través, de esguelha.

22.3.07

eugenia

Outra que eu pensava que era só um nome. Caindo o acento é uma ciencia!

eugenia



do Gr. eu, bem + gen, r. de gígnomai, gerar

s. f.,
ciência das condições que melhor podem favorecer a reprodução humana e o aperfeiçoamento da raça.

16.3.07

Papalvo

Sempre achei imensa piada a esta palavra! No entanto nunca pensei que um dos seus significados pudesse ser codorniz...

Papalvo, s. m., homem simplório; pateta; lorpa;

prov., espécie de fuinha de pele fina; codorniz.

13.3.07

Alvitrar

eu alvitro
tu alvitras
ele alvitra

la la la la


alvitrar

do Lat. arbitrare,
v. tr. sugerir;
aconselhar;
propôr.

12.3.07

Rapioqueiro

Chamam-me isto mais do que eu gostava.


rapioqueiro



adj., pleb.,
que gosta de rapioca;
pândego.

10.3.07

Estrépito

olá a todos, isto anda muito paradinho, vá:


estrépito,
s. m., estrondo;
tropel;
rumor;
fragor;
estampido.

22.2.07

Arroba

Não é só o simbolozinho dos e-mails!


arroba



do Ár. arrub, um quarto de quintal

s. f.,
peso antigo equivalente à quarta parte do quintal, ou seja, 32 arráteis e hoje arredondado em 15 quilos.

Lúbrico

Gosto desta palavra :)


Lúbrico
, adj., escorregadio, resvaladiço, húmido;

fig.,
lascivo, sensual.

15.2.07

Idiossincrasia

Idiossincrasia, s. f., disposição do temperamento de um indivíduo para sentir, de um modo especial e privativo dele, a influência de diversos agentes; reacção individual própria a cada pessoa;

med., reacção individual particular, perante um agente terapêutico.

12.2.07

Estesia

Nunca tinha pensado que podia existir o contrario de anestesia.

estesia


do Gr. aísthesis, sensação

s. f.,
estese;
sensibilidade.

10.2.07

Lentisco

De novo a ler Al Berto mais uma palavra que não reconheço:

Lentisco,
s. m., aroeira;
almecegueira (planta)

e agora, pela primeira vez na história do dicionário parece-me que é necessário recorrer a uma imagem. porque palavras nem sempre definem palavras:

9.2.07

Pernicioso

Sempre achei uma certa piada a esta palavra, acho que deve ser por causa do modo como soa aos meus ouvidos... é gira!

Pernicioso
, adj., nocivo; prejudicial; perigoso; ruinoso.

5.2.07

catarina

Para quem, como eu, pensava que era só um nome.

catarina



adj. f.,
diz-se de certa roda pequena dos relógios;
s. f.,
a própria roda;
casta de uva branca, que se cultiva em Portugal;
(no pl. ) seios de mulher, grandes.

4.2.07

Guião

É estranhamente interessante apercebermo-nos de como algumas palavras podem assumir tantos sentidos distintos entre si e distintos dos significados que normalmente lhes atribuímos.

É engraçado ver que, nalguns dicionários, por ventura desactualizados, como aquele que agora amareladamente desfolho, na definição de uma qualquer palavra que conhecemos não consta a definição que dela temos conhecimento mas sim uma outra vasta panóplia de agradáveis desconhecidos.

É o caso da palavra:

Guião, s. m. antigo estandarte guerreiro; pendão que vai à frente das irmandades, guão; ave da fam. dos Turnicidas, pouco frequente em Portugal, também designada tourão, tourão-do-mato e urra-boi. (De guia ou guiar).

2.2.07

Lacustre

Mais uma oriunda do dicionário inglês!

lacustre


do Lat. lacu

adj. 2 gén.,
relativo a lago;
que está ou vive nas margens ou nas águas de um lago.

31.1.07

Patarateiro

Encontrar esta palavra num dicionario de ingles como tradução não ajudou muito para a sua compreensão, mas é divertida que baste para aguçar a curiosidade!

patarateiro


adj. e s. m.,
que ou o que diz pataratas ou pataratices;
patarata.

Pois, mais uma ajudinha fachabore,

patarata



de Patara, top.

s. f.,
ostentação vã;
embófia;
mentirola;
s. 2 gén.,
pateta;
parvajola;
tolo.

30.1.07

História vs Estória

Escrevo este post não porque a palavra seja nova, mas porque muitos não conhecem a diferença entre estas duas palavras. Já fui várias vezes questionada sobre a existência da palavra estória e muitos pensaram que era apenas um erro crasso da minha parte... Mas ela existe mesmo e prova disso é que está aqui, no Dicionário dos Incultos! :)


História, s. f., evolução da humanidade; narração crítica e pormenorizada de factos sociais, políticos, económicos, militares, culturais ou religiosos que fazem parte do passado de um ou mais países ou povos; sucessão natural desses mesmos acontecimentos; ramo do conhecimento que se ocupa do estudo do passado, da sua análise e interpretação; estudo da origem e do progresso de uma ciência, arte, ou área de conhecimento; narrativa; conto; biografia.

Estória, s. f., história de carácter ficcional ou popular; conto; narração curta.


Não é assim tão difícil de entender quando pensamos nos sinónimos em inglês: history e story... ;)

28.1.07

Agnosticismo

Por quem eu julgava ser realmente agnóstico, uma palavra nova.

Agnosticismo, s. m., doutrina que declara o espírito humano incompetente para conhecer o absoluto.

15.1.07

Esurino

hmm..

esurino, adj. que desperta o apetite; aperitivo.

14.1.07

Iníquo

É mesmo injusto eu não dizer esta palavra mais vezes, é mesmo fixe de usar!

iníquo



do Lat. iniquu

adj.,
contrário à equidade;
injusto;
perverso;
malvado.

10.1.07

Banzé

Deve ser das palavras mais ridiculas que já ouvi. Soa mesmo a mofo. Não sabia era que vinha do japonês.

banzé


do Jap. banzai? viva!

s. m., pop.,
festa ruidosa;
barulho, chinfrim.

9.1.07

Inópia

de volta às letras do meio...

inópia, s . f. falta de riqueza; penúria; deficiência; defeito.

2.1.07

Poejo

Poejo, s. m. planta dicotiledónea, herbácea, aromática, da fam. das Labiadas, frequente nos lugares húmidos ou inundados de Portugal, usada como condimento, e que é o m. q. pojo; o pó mais fino da farinha. (Lat. pulegiu ou puleju).

_ (através do poema)

1.1.07

Cutelo

Cutelo, s.m instrumento cortante, de forma curva.

_ (através do poema)

31.12.06

Inverdade

o significado não é díficil de adivinhar mas confesso que desconhecia a existência desta palavra:

inverdade,
s. f., carácter do que não é verdade;
mentira;
falsidade.


bom eufemismo para dizer que te minto?

29.12.06

Alvissareiro

Alvissareiro,
adj. Que dá ou leva boas notícias; que prenuncia, que faz prever um acontecimento feliz, agradável.

28.12.06

Xisgraviz

Já repararam como ler um dicionário de 1979 a partir da letra X pode ser empolgante?

xisgraviz; s. m. indivíduo intruso; importuno.

27.12.06

Xixica

lá está, isto dos xizes tem mesmo coisas giras...

xixica; s.m. gorjeta; propina

26.12.06

Xixi

... e voilá!

xixi, s.m. planta faseolácea do brasil cujo suco serve de verniz

25.12.06

Dândi

recebi um livro sobre salvador dali e a primeira palavra que encontro é logo digna de entrar no dicionário:

dândi,
s. m., janota;
peralta;
casquilho.

24.12.06

Sarapintar

Que todos tenham um feliz e colorido Natal, com tudo de bom!

sarapintar, v. tr. mesclar de diversas cores; mosquear; pintar às manchas.

23.12.06

Maneio

maneio,
s. m., acto de manejar;
manejo;
trabalho manual;
protuberância adiposa das reses por onde se aprecia o estado de gordura;
sebo em rama.

fundo de -: verba disponível destinada a despesas imprevistas ou não contempladas nas rubricas do orçamento.

22.12.06

Alva

Depois de a 9 de Outubro descobrir o significado de Alba, descobro agora que Alva também existe. Ora:

Alva,
s. f., primeiro alvor da manhã;
alvorada;
dilúculo;
vestimenta talar de pano branco com que o sacerdote católico celebra alguns actos do culto;
túnica dos condenados à forca;
esclerótica;
casta de uva;
adj. f., branca.

estrela de -: o planeta Vénus.

21.12.06

pari passu

A conhecida expressão "a par e passo" não é mais que uma retroversão para o português da expressão latina pari passu. No entanto esta retroversão peca pela correcção do seu significado. A tradução à letra desta expressão seria "ao mesmo passo; acompanhar de perto".

20.12.06

Hiato

Hiato

s. m. encontro desagradável de duas vogais que não formam ditongo;
intervalo; lacuna.

19.12.06

Jocoso

jocoso,
adj., chistoso;
trocista;
que provoca riso;
faceto.

18.12.06

Inefável

Com um agradecimento ao meu inefável amigo que sugeriu a palavra

Inefável



do Lat. ineffabile

adj. 2 gén.,
que se não pode exprimir pela palavra;
indizível;
inebriante;
encantador;
delicioso.

15.12.06

Olaia

olaia,
s. f., Bot., árvore leguminosa cesalpinácea.

entenderam? xP

14.12.06

Dilúculo

O amanhacer tem muitos nomes.

dilúculo,
s. m., crepúsculo da manhã;
aurora;
alvorada;
alva;
fig., princípio, o despontar.

13.12.06

Lafrau

Já que estamos numa de palavras usadas pelas avós, aqui fica uma que a minha usava e em que nós só acreditamos na sua existência depois de confirmarmos no dicionário! =P

Lafrau, s.m., intrujão; homem atrevido; patife.

12.12.06

Diligente

"Minha diligente aluna", dizia o meu professor de Teoria da Comunicação. Ou seja:

diligente,
dj. 2 gén., zeloso;
cuidadoso;
aplicado;
expedito;
pronto, desembaraçado.

11.12.06

Peto

A minha avó usa muito esta palavra mas com outro significado, que é fazer algo de peto, é fazer algo de propósito.(ex: foi lá de peto para ir ter contigo) Talvez seja um regionalismo ainda não registado. De qualquer forma é uma palavra engraçada.

Peto


adj.,
que é vesgo ou estrábico;
prov.,
maçador;
impertinente;
s. m., Ornit.,
pássaro trepador, pica-pau;
machadinha nas costas do podão;
peta do sacho ou do alvião;
mealheiro.

10.12.06

Édulo

édulo,
adj., bom para comer;
comestível.

9.12.06

solipso

hmm.. tá giro, tá


solipso, s. m. aquele que vive só para si; egoísta; o que ama os prazeres solitários; solteirão.

8.12.06

Garganeiro

Mas uma palavra graças ao famoso Gato do mau cheiro.

garganeiro,
s. m., prov., glutão;
o que tem inveja de tudo que se dá aos outros;
que fala muito e à toa.

7.12.06

Estafermo

O gato fedorento também nos traz palavras bonitas.

Estafermo,
s. m., espantalho;
basbaque;
pessoa sem préstimo;
pessoa feia, desengraçada, desmazelada;
figura de homem na qual deviam tocar com a lança os cavaleiros dos torneios;
empecilho;
estorvo.

6.12.06

Ensejo

ensejo
s. m., ocasião azada, oportuna, propícia;
lance, conjuntura.

5.12.06

Pantomima

Porque me esqueço constantemente desta palavra, porque o seu sentido é tudo o que preciso, deixo-a aqui.

Pantomima

s. f., arte ou acto de exprimir ideias ou sentimentos por meio de gestos;
embuste;
logro;
peça de teatro em que os actores representam apenas por gestos.

4.12.06

Sofomania

Olha que giro! Querem saber o que é, querem?

sofomania, s. f. presunção de saber muito.

3.12.06

Aprazível

A mim faz-me lembrar desprezável, pelo som mas não está nada ligado.


aprazível



adj. 2 gén.,
que apraz, que causa prazer;
ameno;
encantador.

2.12.06

Pérfido

Até à data achava que pérfidos só podiam ser os cheiros...

Pérfido,
adj.
, que falta à fé jurada, à palavra;

traidor;
desleal;

aleivoso;

que revela traição.

1.12.06

Propedêutico

Quem diria que ler a 365 dava em novas entradas no dicionário? pois é...

Propedêutico,
adj., que serve de introdução;
que prepara ou habilita para servir ensino mais completo;
preliminar.

30.11.06

Chalaça

Acho que a própria palavra é usada só com um tom zombeteiro.

chalaça



por charlaça de charlar

s. f.,
gracejo mais ou menos pesado;
pilhéria;
piada;
dito zombeteiro;
caçoada.

29.11.06

Filantropia

Há palavras que dizem mundos bonitos.

filantropia
s. f.,
amor à humanidade sem distinção de raça ou de nacionalidade;
caridade;
humanitarismo.

28.11.06

Arguto

Esta palavra tropeça na minha língua, diria que não é que é precisos er-se arguto apra a dizer :)

Arguto,
adj., sagaz;
de espírito subtil, engenhoso;
sofístico.

27.11.06

Energúmeno

energúmeno,
s. m., endemoninhado;
possuído do demónio;
possesso;
fig., indivíduo desnorteado;
fanático;
exaltado.

25.11.06

Guiché

Tem uma sonoridade estranha e atada à sonoridade estranha vem um significado comum e peculiar.

Guiché,
s. m., portinhola aberta numa parede ou porta de repartição pública ou de outra instituição particular, através da qual o público comunica com os funcionários para pagamentos, recebimentos, informações ou qualquer outro tipo de expediente.

24.11.06

Parafernália

Obrigado à Sofia que disponibilizou o dicionário dela :)

Parafernália,

s. f., Série de objectos de uso pessoal;
Equipamento variado, necessário ao funcionamento de alguma coisa ou a uma actividade profissional;
Grande variedade de coisas;
Tralha.

23.11.06

Opúsculo

Palavras estranhas para coisas comuns.

Opúsculo,
s. m.
, pequena obra sobre arte, qualquer ramo de ciências, etc. ;

folheto.

22.11.06

Vilipendiar

Gosto mesmo de dizer esta palavra.

vilipendiar


v. tr.,
tratar com vilipêndio;
considerar vil;
desprezar.

21.11.06

Solilóquio

Tenho, faço e crio tantos...

solilóquio, s. m. fala que alguém dirige a si próprio; monólogo.